terça-feira, 4 de março de 2014

#ukraine #putin #china A China não vai deitar fora 64 anos de política externa por causa da Ucrânia



Desde a questão do Tibete (1950) que a China se posiciona oficialmente desta forma neste contexto de conflitos internacionais.

"It is China's long-standing position not to interfere in others' internal affairs. We respect the independence, sovereignty and territorial integrity of Ukraine"