quinta-feira, 12 de março de 2015

Pelo menos o António Costa não deixa cair os seus. #Costa #Seguro

Os resultados estão aí, Portugal lidera a queda no desemprego da OCDE (lê mais aqui), a Comissão Europeia revê em alta o crescimento da economia nacional (lê mais aqui), mas parece não ser suficiente. 

A contar com as mais recentes sondagens (lê mais aqui) parece que o Governo continua sem ver reconhecido o seu mérito nos resultados positivos da economia portuguesa. Sondagens onde se vê confirmado que António Costa  afinal não é assim tão diferente de António José Seguro (lê mais aqui), pelo menos no que diz respeito às projeções de resultados... Acho que me lembro que o golpe palaciano de António Costa no PS se fundamentou, em grande parte, na incapacidade de Seguro se destacar nas sondagens, mesmo depois de ter ganho as europeias (já escrevi sobre isto)

Mas há diferenças entre ambos, entre Costa e Seguro, pelo menos reconheço uma que é estrutural...António Costa pretende governar à imagem do Governo de Sócrates (lê mais aqui), o que é mais do que natural uma vez que fez parte desse Governo e porque lhe deve a liderança no PS (já escrevi sobre isso).

"Poucas vezes quem ganha o que não merece, agradece o que ganha." 
Francisco Quevedo  

(O que não é o caso...)