sexta-feira, 9 de outubro de 2015

Importante é cumprir o que ficou por cumprir no PREC

Aparentemente nos últimos dias já ninguém se importa com a mentira, ninguém do BE ou da CDU se importa com as promessas que fizeram.

A saída do Euro (lê mais aqui), o distanciamento do PS (lê mais aqui), é tudo águas passadas. Isso de enganar o eleitorado é um característica apenas da direita. A esquerda faz compromissos.

Disseram que queriam acabar com o Euro, não pagar a dívida, mas agora estão disponíveis para mudar de discurso, importante é cumprir o que ficou por cumprir no PREC.



Está encontrada a narrativa da esquerda. 

Qual burocracia do politburo qual quê, quando o que interessa é ter poder o resto é conversa, de um momento para o outro passámos a eleger deputados e os deputados é que mandam. 

O Sampaio ter dissolvido a Assembleia da República para preservar a vontade democrática, claro, mas isso é a esquerda. 

A coligação que ganhou as eleições, não, esses têm de sair e o Presidente da Republica tem de ouvir é os deputados.

É um pouco o conceito de Las Vegas, o que se disse na campanha fica na campanha...