quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

Boas notícias para a Hillary

Depois de um presidente negro, pelo andar da carruagem, os Estados Unidos podem estar a preparar-se para ter uma presidente mulher (boas notícias para a Mónica Ferro).

Neste caso, mais do que um confronto entre um homem e uma mulher, um embate Hillary vs Trump seria uma disputa entre o espírito democrático americano e o conservadorismo cristão (lê mais aqui).

Sinceramente ainda não entendi bem o que se está a passar na campanha do Donald Trump, não dá para perceber se este discurso é apenas um esforço para consolidar o eleitorado conservador nas primárias republicanas, ou se não quer arriscar ganhar as primárias para depois perder as presidenciais para uma mulher.

Uma coisa é certa, foi um declaração escrita, pelo que não é algo que lhe saiu da cabeça sem pensar e sem olhar às sondagens. 


Depois da vitória da Frente Nacional nas autárquicas em França, triste seria se até as eleições nos EUA o Daesh conseguisse condicionar (lê mais aqui). 

(imagem retirada daqui)